08 junho 2015

Sobre o São João de Arcoverde


Olá gente!
Hoje eu vim falar sobre um assunto muito comentado nos últimos dias na minha cidade e região: a programação do São João de Arcoverde.


Vou tentar ser bem direta e resumir meus comentários.
É, sem dúvidas, a programação mais fraca dos últimos anos. Principalmente porque se trata do segundo maior São João de Pernambuco.
Nos anos anteriores, tivemos artistas como Victor e Léo, Bruno e Marrone, Claudia Leite e Zé Ramalho, etc. Agora temos que nos contentar com Chitãozinho e Xororó.
E daí que esses artistas não tem nada haver com a cultura do São João? Todo mundo queria ir a um show de Luan Santana ou Jorge e Mateus, né, independente da época do ano.
Artistas que, em outros tempos eram atrações complementares, agora são atrações principais.
Festas que antes duravam 15 dias, agora são de 9 dias.
Pra mim, isso nada mais é que o reflexo politico e social brasileiro. Enfrentamos o pior período politico do Brasil dos últimos 20 anos, impostos e inflação altíssimos, etc.
Socialmente não é diferente. Há pouquíssimo tempo, as pessoas iam a essa festa pra dançar, se divertir, paquerar. Hoje, o que eu percebo é que essas pessoas estão lá pra ostentar-se, ou seja, mostrar aos outros que são auto suficientes, que não veem nada nem ninguém a sua volta. E claro, beber até cair, como mandam as músicas tocadas na própria festa.
É isso aí gente. Esse foi o meu comentário pessoal. Respeito todas as opiniões sobre esse ou qualquer outro tema, então espero que respeitem a minha.



Nenhum comentário:

Postar um comentário